10 junho 2014

Nutrição: Alho adorado por muitos e odiado por outros, mas de grande importância a saúde!!

Olá amores, hoje venho falar do alho que é considerado um tempero natural de grande utilidade na culinária. Adorado por muitos e odiado por outros pelo seu forte sabor e odor. Estando cada vez mais presente nos tratamentos e prevenção de várias doenças. Sabe-se hoje da sua grande importância no combate a problemas relacionados ao coração, cancro (câncer) e infecções. Possuindo substâncias de grande importância benéfica ao nosso organismo.



A cisteína auxilia no funcionamento do fígado, a arginina no sistema imunológico e a alicina  combate infecções bacterianas. Estuco comprovados atribuíram que o alho melhora os níveis de colesterol, diminuindo o colesterol ruim (LDL) e aumentando os níveis do colesterol bom (HDL). Importante o seu uso no tratamento de hipertensão arterial e como suas substâncias geram maior elasticidades e dificultam o acúmulo de gorduras nas artérias, é uma potente arma de prevenção ao infarto e outras doenças do coração.




O ALHO NA MEDICINA CHINESA
  • Elimina a umidade e o frio;
  • Esquenta o estômago;
  • Dissipa a estagnação dos alimentos e das gorduras;
  • Melhora a circulação do sangue;
  • Estimula as energias;
  • Elimina as toxinas.
É Específico Contra:
    • A artrite e o reumatismo;
  • A coqueluche, a asma e a tuberculose;
  • A hipertensão e a hipercolesterolemia;
  • A tosse seca e a expectoração sanguinolenta;
  • O sangramento do nariz;
  • Os edemas;
  • Os espasmos;
Os gases intestinais.


O ALHO E O GERMÂNIO
Dentre uma lista de minerais como cálcio, cobre, ferro, magnésio e manganês presentes no alho, o maior destaque é o germânio, um mineral que até poucos anos parecia só ser importante para os semicondutores da indústria eletrônica.
O GERMÂNIO
Coube ao Dr. Kazuhiko Asai identificar grandes concentrações de germânio na Aloe, no alho, no confrei e no ginseng, e ao Prêmio Nobel, Dr. Otto Warburg, descobrir que ele aumenta a disponibilidade do oxigênio às células e, assim, diminui o crescimento dos tumores. Hoje, porém, já se sabe que o germânio tem fortes propriedades analgésicas e antioxidantes, além de ser importante para:

  • Aliviar a epilepsia e as neuroses;
  • Combater a angina, a asma, a cirrose, a diabetes, a osteoporose e a sinusite;
  • Equilibrar a pressão sanguínea e os níveis de colesterol;
  • Inibir o desenvolvimento de algumas formas de fungos, inclusive da Candida albicans, pois tem fortes propriedades antifúngicas;
  • Melhorar a qualidade das artérias, combater a hipertensão e a insuficiência cardíaca;
  • Potencializar o sistema imunológico, estimulando o aumento da produção do interferon; a multiplicação das células natural killers e dos macrófagos; a eliminação das células cancerosas e toxinas com maior eficiência.
  • Prevenir a doença de Raynaud e reduzir a incidência de gangrena;
  • Prolongar a sobrevida das pessoas com câncer de bexiga, cólon, fígado, laringe, mama, pulmão
  • e útero


I like it...
beijo amores
Francini Soares