23 janeiro 2016

# ... e hoje acordei!

E por vezes a vida parece um amontoar de coisas. Coisas essas que ficam empoeirando na estante, coisas essas que só servem de enfeites ou de lembranças. Quero me desapegar, quero me desagarrar de tudo. Quero me vestir apenas de corpo e alma. Quero ver as estrelas, quero sentar a mesa e ter uma boa conversa. Cansada, entediada, pasma com a ignorância humana. Inquieta com a arrogância alheia, por isso quero me desapegar. Quero partilhar, quero ajudar, quero convidar para sentar comigo e tomar do meu chá. Quero ter sempre uma palavra amiga, e um sorriso de menina. Quero ainda poder sonhar! Quero me desapegar do cheiro das coisas, das más lembranças ....quero fechar cicatrizes. Tanto hostilidade, tanta prepotência, tanta falta de respeito neste mundo sem salvação. Hoje deito-me pensativa mais decidida que tudo nesta vida precisa mudar...